[SUPERELA] Será que os sonhos que você busca são realmente seus?

  • 0
sera-que-os-sonhos-que-voce-busca-sao-realmente-seus

[SUPERELA] Será que os sonhos que você busca são realmente seus?

sera-que-os-sonhos-que-voce-busca-sao-realmente-seus

Alguma vez você já parou para se perguntar se os sonhos que você busca são realmente seus? A resposta pode parecer óbvia. Se você está buscando realizar um sonho, ele deveria ser seu, correto? Errado! Ou melhor, nem sempre. Acredito que os sonhos existam para serem realizados. Porém, precisamos diferenciar os sonhos que são nossos de verdade, daqueles que resolvemos abrigar e buscar por serem sonhos e/ou expectativas de pessoas importantes para nós, como nossa família.

Muitas vezes passamos anos de nossas vidas perseguindo fortes desejos que possuímos, mas na verdade só queremos dar satisfação para quem nos importamos ou provar que fomos capazes de realizar determinado objetivo. No fim, essa realização não nos completa, realiza ou deixa feliz como esperávamos. Precisamos estar atentos e perceber se estamos realmente buscando uma realização para nós ou para os outros. Não há problema em querer realizar um sonho de outra pessoa desde que ele seja seu também e você saiba exatamente o que está buscando. O perigo reside quando essa busca se torna uma jornada sem fim. Quase igual a já conhecida imagem do burrinho que corre atrás da cenoura.

Imagine a seguinte situação: seus pais dizem para você que sonham em te ver bem sucedido na área jurídica e você resolve perseguir esse sonho (deles). Só tem uma questão que você não parou para questioná-los ou se questionar. O que exatamente significa ser bem sucedido na área jurídica?. Se você não os questionou, mas deseja fazê-los feliz, você buscará incessantemente ser um juiz, pois, provavelmente, é o que eles estão esperando (isso é o que você imagina).

E essa falta de clareza sobre o seu objetivo faz com que você avance cada vez mais para conquistar algo que pode não fazer o menor sentido para você e talvez nem para eles. Pode ser que eles só esperavam que você fosse um advogado com muitos clientes. Ou talvez eles só quisessem que você fosse um profissional feliz, com uma boa remuneração e achavam que uma formação em direito traria isso mais rapidamente. Percebeu o que acontece quando buscamos realizar uma expectativa alheia que nem sabemos exatamente qual é o valor ou limite? Até a busca por uma “boa remuneração” pode ser uma busca sem fim. O que isso representa em números? A “boa remuneração” te dará poder de consumir exatamente o que ou quanto por mês ou ano?

Texto originalmente publicado no site Superela. Continue lendo aqui!

Crédito da Imagem: Pinterest


Leave a Reply

Cadastre-se e receba dicas sobre carreira

Procure aqui